Participe e nos ajude a levar doações aos nordestinos em janeiro de 2018!

Participe e nos ajude a levar doações aos nordestinos em janeiro de 2018!

QUAL É A SUA DESCULPA?

QUAL É A SUA DESCULPA?
Faça Missões! Obedeça a Ordem de Jesus Cristo.

Seguidores

O que você procura?

4 de fevereiro de 2017

Você convidou Jesus para seu Casamento?



Este é um blog missionário e deixo aqui uma palavra aos casais de missionários que estão em missão.

Você convidou Jesus para sua festa de casamento? Eu convidei quem não podia faltar: Jesus Cristo e graças a Ele, Edson e eu seguimos para 14 anos juntos. Em novembro completamos Bodas de Marfim. Não é fácil chegar até lá assim como não foi fácil chegar até aqui, mas de uma coisa eu tenho certeza... Em nenhum momento afastamos o Espírito Santo de nossa casa e nem pedimos licença a Jesus Cristo para tratar de algum assunto que Ele não estivesse presente. 

Isso já é uma vitória em meio as discordâncias de pensamentos e às insatisfações que naturalmente ocorrem nessa caminhada. Problemas que podem ser superados e eliminados se nos colocarmos na posição de Filhos de Deus, que ouve a orientação divina e tenta com que seu relacionamento, a cada dia, seja mais e mais direcionado por Cristo e seus ensinamentos.

Dizem que "o casamento é o palco onde se desenrola os grandes dramas da vida.". Discordo! Se tratarmos o casamento como uma peça de teatro ou filme, já mentimos para nós mesmos, pois os atores nada mais fazem do que fingirem ser o que não são. Casamento não é palco! Casamento é realidade. É onde tudo acontece! O casamento pode ter sido idealizado como sonho que vira pesadelo, porque um dos cônjuges ou os dois idealizaram uma fantasia e não vivenciaram o dia a dia. 

Temos que lembrar, que quando éramos crianças e víamos as relações de nossos pais estávamos idealizando o nosso casamento igual ou totalmente diferente. É na família que celebramos as nossas vitórias e é também nela que vivenciamos a nossa dor mais amarga de lembranças. Gosto do texto de João 2.1-11, que nos fala que Jesus foi a uma festa de casamento. Isso prova o que falei no início. Ele está sempre pronto nas horas que precisamos. Ele participa conosco dos nossos momentos de alegria. Neste texto, podemos observar que mesmo num momento de festa, de alegria, podem acontecer fatos tristes e o texto é muito feliz em afirmar que Cristo observa nossas aflições. Ele só espera que peçamos o milagre, ainda que não seja a hora de pedir.


Se você não convida Jesus para seu casamento, eu sinto te informar que está fadado ao fracasso. Nenhum ser humano é capaz de solucionar uma situação sem ajuda ou permissão de Cristo. Jesus precisa ser convidado, precisa estar presente e precisa intervir nos momentos necessários. A maior necessidade das famílias é a presença de Jesus. Não será o dinheiro que suprirá uma falha de organização, não será o conforto que deixará os convidados felizes e muito menos será a prosperidade, pois ela pode acabar. Só Jesus pode satisfazer a sua alma e dar sentido pleno à sua vida e à sua família, se você O deixar ser participante.

É preciso lembrar que você vai chorar nessa caminhada. Você acha mesmo que em quase 14 anos de união, não chorei, não me magoei ou magoei meu maridinho? Aprenda: Jesus está presente na minha união, mas mesmo presente, os problemas acontecem. No casamento que Ele estava: o vinho acabou. Lembro que meu pastor Manoel Ribeiro pregou uma vez, dizendo que o "vinho" era a "alegria" daquela época. Imagine a alegria de um casamento acabar. 

Há casais feridos até hoje. Há casais que vivem dramas em seus casamentos, porque acreditam que são atores num palco, onde parentes e amigos os observam. Há casais feridos, porque não se perdoam. Há famílias dentro das igrejas, que infelizmente, se alegram com a separação e desarmonia de um casal, porque em algum momento falaram: "Eu disse que não era de Deus". Falam como se fossem a própria boca do Altíssimo, quanto na verdade se condenam sem perceberem. A verdadeira alegria não está no vinho, não está nos convidados, não está no local em que se vive... A verdadeira alegria de um casamento está em poder olhar para Cristo todos os dias, porque Ele mora em seu lar.

É preciso discernir com rapidez quando os problemas se aproximam. É preciso recorrer a pessoa certa. Jesus é a solução de Deus para o seu lar. Nossos problemas devem ser deixados aos pés de Jesus. Dele vem o nosso socorro. Precisamos obedecer e fazer o que Jesus nos orienta e deixarmos de ser orgulhosos em tentar resolver sozinhos. Ser racional numa crise é o mesmo que determinar o fracasso. Precisamos ser racionais em perceber o quê Cristo nos orienta nos momentos de crise. Precisamos ser guiados pela fé e não pelos nossos sentimentos.

O milagre da transformação acontece quando o dono do milagre está presente. Não feche as portas de sua casa para Cristo. Não tente resolver sozinho a sua amargura e decepção. Experimentar uma maravilha divina é ter contato com o sobrenatural todos os dias dentro de seu lar.

Deixe Deus ser o chefe de sua família e o Espírito Santo te orientará. Amigos, parentes e vizinhos ajudam, mas não trazem solução. Não seja um artista, não use máscaras e deixe Jesus agir com amor, restaurando a alegria e transformando o que precisa de um milagre.

Dicas importantes de leitura relacionadas a este texto:


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

RESPEITE OS CRÉDITOS!!!

Por favor, respeite os direitos autorais e a propriedade intelectual (Lei nº 9.610/1998). Você pode copiar os textos para publicação/reprodução e outros, mas sempre que o fizer, façam constar no final de sua publicação, a minha autoria ou das pessoas que posto aqui e que, muitas vezes, aqui escrevem. Afinal, algumas postagens do "Blog Uma Visão Missionária" trazem imagens de fontes externas como o Google Imagens e de outros blog´s.

Se alguma for de sua autoria e não foram dados os devidos créditos, perdoe-me e me avise (pahesa.andrade@gmail.com) para que possa fazê-lo. E não se esqueça de, também, creditar ao meu blog as imagens que forem de minha autoria.

Projeto MICRI e a Expedição Missionária Piauí

Chamado Missionário?

Aniversário do Blog!