#BUVM no Sertão em 2018!

O que você procura?

4 de fevereiro de 2017

Dica de Livro: Compaixão pelos Perdidos, Amor pelos Achados.



O Pr. Elias Gomes, da Igreja Fonte Viva em Campo Grande publicou em seu livro "Compaixão pelos perdidos, Amor pelos achados" dez características que segundo o autor são revelantes para um discipulador.


1. Um bom discipulador é aquele estende a mão;
2. Um bom discipulador está sempre preocupado como pai. Você só vai entender bem seu discípulo, se antes você entender suas necessidades pessoais. Constranger em amor;
3. O pai orienta seus filhos onde pescar (Autoridade com amor).
4. O discipulador (Pai amoroso) coopera para a prosperidade dos seus discípulos, ou seja, geramos segundo nassa espécie:
Líder de célula gera líder de célula,
Líder de setor gera líder de setor,
Líder de área gera líder de área, e assim por diante.
5. O discipulador cuida para que o fervor ministerial não se esfrie. Se o discipulador não estiver sempre por perto, o discípulo corre o risco de abandonar a missão;
6. O discipulador celebra as conquistas do seu discípulo. Devemos compreender que a vida Cristã se resume em: Receber, Celebrar e Repartir;
7. Todo discipulador precisa ter tempo para trabalhar e tempo para desfrutar o trabalho. Um discipulado, uma célula uma igreja triste não prospera. Células tristes não multiplicam. A falta de alvo entristece o povo;
8. Um bom discipulador serve seus discípulos. Não importa a hora, o mal tempo. Vai atrás do filho
9. O bom discipulador, como pai, gosta de estar na companhia de seus discípulos. A palavra de uma pai é motivadora!
10. O discipulador que como o pai, perdoa o seu discípulo e restaura o seu chamado.

Extraído do Livro “Compaixão pelos perdidos. Amor pelos achados” – Elias Gomes, YesBooks, 2015.

Se deseja saber mais sobre o assunto, clique no link e adquira o livro.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

RESPEITE OS CRÉDITOS!!!

Por favor, respeite os direitos autorais e a propriedade intelectual (Lei nº 9.610/1998). Você pode copiar os textos para publicação/reprodução e outros, mas sempre que o fizer, façam constar no final de sua publicação, a minha autoria ou das pessoas que posto aqui e que, muitas vezes, aqui escrevem. Afinal, algumas postagens do "Blog Uma Visão Missionária" trazem imagens de fontes externas como o Google Imagens e de outros blog´s.

Se alguma for de sua autoria e não foram dados os devidos créditos, perdoe-me e me avise (pahesa.andrade@gmail.com) para que possa fazê-lo. E não se esqueça de, também, creditar ao meu blog as imagens que forem de minha autoria.

Projeto MICRI e a Expedição Missionária Piauí

Chamado Missionário?

Aniversário do Blog!

Missões Uruguai em Treinta y Trés.

Expedição Missionária Piauí.