Participe e nos ajude a levar doações aos nordestinos em janeiro de 2018!

Participe e nos ajude a levar doações aos nordestinos em janeiro de 2018!

QUAL É A SUA DESCULPA?

QUAL É A SUA DESCULPA?
Faça Missões! Obedeça a Ordem de Jesus Cristo.

Seguidores

O que você procura?

23 de julho de 2016

Satanismo nas Escolas Americanas.



Durante um bom tempo, nós pesquisamos sobre o Templo Satânico que existe nos Estados Unidos. Observamos suas atividades, quem costuma participar e o que seus integrantes professam. A curiosidade aumentou quando integrantes de um grupo do Templo resolveu defender a liberdade individual e o secularismo em escolas públicas, por verem ser distribuídas Bíblias nas instituições por cristãos evangélicos. O protesto surgiu contra uma decisão do Conselho Escolar do Condado Orange, na Flórida em setembro de 2014, que permiti a distribuição de bíblias nas escolas públicas locais. Não sei porque só escrevo sobre isso agora, mas acho relevante relembrar.

Na época, integrantes do grupo satânico queriam ter os mesmo direitos de entregar literatura nas escolas. Chegaram a anunciar que distribuiriam um livro de colorir e de atividades com temas pagãos e satânicos aos alunos do condado. Tudo porque o Conselho Escolar do Condado Orange, na Flórida, permitiu a entrega de materiais religiosos nas escolas públicas. 

O protesto aconteceu, segundo o site G1, depois que outro grupo defensor da separação entre Igreja e Estado nos EUA ser proibido pelo conselho de distribuir panfletos sobre o tema, apesar de o mesmo órgão ter permitido que um grupo cristão evangélico distribuísse bíblias nas mesmas escolas.

Isto é, o grupo pedia igualdade de direitos. Isso nos faz lembrar, que no ISERJ, onde estudamos a vida inteira, tivemos a oportunidade de receber todo tipo de literatura cristã ou não. Recebemos Novos Testamentos através de alguns professores, recebemos nas portas de acesso à instituição vários livros com assuntos sobrenaturais e kardecistas, além de sermos abordados várias vezes por Testemunhas de Jeová e os Gideões.

Sinceramente, cremos firmemente, que quando Deus tem um Plano de Salvação para nossa vida, nós podemos ser abordados por todo tipo de literatura, mas a que prevalecerá em nosso coração é a Palavra de Deus. Claro, não nos sentiríamos nada agradáveis ao ver nossos filhos chegando em nosso lar com um livro de apologia ao demônio para colorir em casa. Acreditamos que nossos valores sejam melhor respeitados se eles não fossem afrontados dessa forma, mas entendemos que a única maneira de se evitar isso é mantendo a separação entre Igreja e Estado. Fora, que livro é livro. Livro é para ser lido!

As pessoas têm direito de escolher o que querem seguir, mas nossa obrigação enquanto cristãos é buscar alternativas para que tenham acesso à literatura bíblica. Só que não precisa ser, necessariamente, em escolas públicas. A coisa mais responsável a fazer é garantir que todos tenham acesso a uma variedade de opiniões religiosas diferentes, e que possam ser capazes de entender o amor de Deus e segui-Lo através do sacrifício de Cristo na cruz.

Não é proibindo o lançamento de um livro, boicotando uma leitura por causa da capa ou ilustrações, mas acompanhando o filho na leitura que ele será capaz de perceber o que é o não de Deus. Não, não concordamos com o grupo satanista. No entanto, fica muito claro para nós que a melhor forma de distribuir o material impresso é nas ruas enquanto temos liberdade religiosa para fazê-lo no Brasil, pois nos EUA, as escolas já estão impregnadas de valores sincretistas.



A cartilha em questão nas escolas americanas está batizada de "Grande livro satânico de atividades para crianças", que já tem uma versão digital, traz atividades e brincadeiras conhecidas, como caça-palavras, o jogo das diferenças, ligue os pontos, desenhos para colorir e labirintos em papel. Até aí tudo bem senão fossem os desenhos de imagens demoníacas de Baphomet, o bode que representa o demônio, do cão Cérbero, guardião da entrada do inferno, e do pentagrama, a estrela de cinco pontas do paganismo. Tá! São só imagens. Eu mostraria ao meu filho e o ensinaria a vencer este ensinamento através das Palavras de Cristo. 

O Templo Satânico é conhecido por seus esforços em chamar a atenção para aspectos da vida pública que têm o envolvimento de diferentes grupos religiosos. Em Oklahoma, por exemplo, o grupo construiu uma estátua satanista para contrastar com um monumento dedicado aos Dez Mandamentos do Cristianismo, afirmando que, se esse monumento não existisse, eles desistiriam da ideia de criar o seu próprio.

No entanto, a iniciativa deles ficou frustrada. A Justiça local vetou a estátua. A mesma que seria inaugurada na cidade acabou revelada aos seguidores em um prédio industrial sem holofote algum da imprensa em uma cerimônia privada.

Deus é Deus irmãos!




Na verdade, seguidores do Satanismo querem é assunto, pois nós cristãos nos deparamos com os triângulos maçons em vários lugares do Brasil e nem por isso deixamos de adorar a Deus. Bendita a época que tinha aulas de religião nas escolas e que as crianças podiam escolher qual aula estudar. Bem que poderia voltar, mas daí outros grupos iriam querer a mesma presença... Infelizmente, há uma gama de seitas doida para fazer bagunça na mente das pessoas. Dirá, crianças. Então, que leiamos mais livros, que ajudemos nossos filhos a interpretar melhor suas leituras e que possamos em oração cuidar uns dos outros, pois os dias maus estão aí.



Acompanhe a postagem completa sobre o lançamento dessa cartilha que aconteceu em 2014 nos EUA:



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

RESPEITE OS CRÉDITOS!!!

Por favor, respeite os direitos autorais e a propriedade intelectual (Lei nº 9.610/1998). Você pode copiar os textos para publicação/reprodução e outros, mas sempre que o fizer, façam constar no final de sua publicação, a minha autoria ou das pessoas que posto aqui e que, muitas vezes, aqui escrevem. Afinal, algumas postagens do "Blog Uma Visão Missionária" trazem imagens de fontes externas como o Google Imagens e de outros blog´s.

Se alguma for de sua autoria e não foram dados os devidos créditos, perdoe-me e me avise (pahesa.andrade@gmail.com) para que possa fazê-lo. E não se esqueça de, também, creditar ao meu blog as imagens que forem de minha autoria.

Projeto MICRI e a Expedição Missionária Piauí

Chamado Missionário?

Aniversário do Blog!