Participe e nos ajude a levar doações aos nordestinos em janeiro de 2018!

Participe e nos ajude a levar doações aos nordestinos em janeiro de 2018!

QUAL É A SUA DESCULPA?

QUAL É A SUA DESCULPA?
Faça Missões! Obedeça a Ordem de Jesus Cristo.

Seguidores

O que você procura?

30 de janeiro de 2016

Um chamado em família: Viagem ao sertão do Piauí.


Procuro sempre escrever no Blog na terceira pessoa. Desta vez, não será possível! É preciso escrever ou tentar digitar o que vivi para chegar nesta última expedição em Paes Landim no Piauí.

Esta foi minha terceira participação. Conheci a Expedição Missionária Piauí em outubro de 2014, quando uma amiga que já havia participado ficou chamando tanto e mostrando tantas fotos que não resisti e fui conhecer.

Sabe quando você encontra o homem de seus sonhos, o desejado de seu coração? É, digo-lhe que foi bem assim a sensação. Encontrei o que eu procurava há anos. Encontrei meu curso de Missiologia na prática.

A primeira ida foi na cidade de Bela Vista do Piauí. Eu fui “arrebentada” para esta expedição. Meu coração estava chateado demais com uma amizade perdida. Minha alma amargurada com a forma que se deu tal fato e minhas emoções abaladas, pois não queria ver a tal “amiga, ex-amiga” nem de perto.

Deus, que é lindo. Sabe de todas as coisas... Proporcionou um encontro antes mesmo do embarque no ônibus em Petrolina/PE. A tal amiga foi à Expedição também. Era preciso um concerto antes de entrar naquele ônibus. Daí, eu entendi. Não se deve ir à Expedição de qualquer maneira. É preciso estar no prumo de Jeová! É preciso estar em comunhão com Ele e com o próximo.

Como já relatei aqui no Blog Uma Visão Missionária, nós fomos e vivemos dias preciosos naquela cidade. Eu voltei tão impactada com as experiências vividas que tive que despejar tudo como um furacão nos ouvidos de meu esposo.

Para minha alegria e confirmação de Deus que há um querer dEle conosco na Expedição, meu esposo aceitou o desafio de estar na cidade de Conceição do Canindé.
Encontrar pessoas nas ruas, ser abordados na base, ser guiado por Deus nas estradas, nas ruas... Ajudar pessoas com palavras de ânimo... Ouvir palavras de agradecimento por ter entrado em uma casa e orado por um familiar... Não dá para descrever... Só vivendo... Foram dias preciosos...

Voltamos os dois para casa... Os dois tão impactados que nem percebíamos que falávamos na Expedição todos os dias e, por isso, deixamos nosso filho mais velho curioso e querendo viver tudo isso também.

Em casa, nós programávamos o que iríamos levar na próxima. Nossa sala, nosso quarto virou depósito de Bíblias Infantis, de brinquedos que eram difíceis de esconder de nosso caçula Miguelzinho. Tadinho, ele sempre achava que um era dele.




Enfim, arrecadamos muitas doações. Enchemos a mala e com coragem levamos nossos dois filhos, Adriel (10) e Miguelzinho (quatro), para o sertão do Piauí. 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

RESPEITE OS CRÉDITOS!!!

Por favor, respeite os direitos autorais e a propriedade intelectual (Lei nº 9.610/1998). Você pode copiar os textos para publicação/reprodução e outros, mas sempre que o fizer, façam constar no final de sua publicação, a minha autoria ou das pessoas que posto aqui e que, muitas vezes, aqui escrevem. Afinal, algumas postagens do "Blog Uma Visão Missionária" trazem imagens de fontes externas como o Google Imagens e de outros blog´s.

Se alguma for de sua autoria e não foram dados os devidos créditos, perdoe-me e me avise (pahesa.andrade@gmail.com) para que possa fazê-lo. E não se esqueça de, também, creditar ao meu blog as imagens que forem de minha autoria.

Projeto MICRI e a Expedição Missionária Piauí

Chamado Missionário?

Aniversário do Blog!