Participe e nos ajude a levar doações aos nordestinos em janeiro de 2018!

Participe e nos ajude a levar doações aos nordestinos em janeiro de 2018!

QUAL É A SUA DESCULPA?

QUAL É A SUA DESCULPA?
Faça Missões! Obedeça a Ordem de Jesus Cristo.

Seguidores

O que você procura?

27 de setembro de 2014

Missionário e a importância do Seguro de Vida Internacional.

Foto do site: segurosaudeinternacional.com
No artigo Missionário e Previdência Social no Brasil – Parte 1, nós falamos sobre como é difícil encontrar um missionário no campo brasileiro que tenha sido assegurado pelo INSS. Da mesma forma, é difícil encontrar um missionário no exterior que seja amparado pelo Seguro Internacional de Saúde.

As famílias dos missionários, esposa e filhos (quando há) é que percebem a falta que o Seguro Internacional faz. Principalmente em caso de morte que pede o documento para realizar o translado dos corpos sem maiores problemas legais.

Isso sem falar sobre os que sofrem acidentes de carro, Infarto, AVC ou ataques, como assaltos ou invasões em seus lares, nos lugares onde há extremistas; que acabam ficando com sequelas físicas necessitando regressar ao país natal.

É um caso de vigilância cristã e não pode ser esquecida. As igrejas que desejam enviar seus missionários para fora do Brasil devem tomar conhecimento deste Seguro para que os mesmos tenham condições de seguir ao trabalho de missões sem reservas, sem preocupações. Crendo, sim, que Deus os livrará e guardará, mas caso permita que algo lhes aconteça... Que a igreja que os enviou possa ser capaz de trazê-los para casa.

Outra situação importante que o seguro saúde viagem internacional possibilita é um benefício que ressarce financeiramente os viajantes em caso de acidentes ou doenças desde o período de embarque até o retorno. Esse serviço é ofertado para diversos destinos, tanto para viagens dentro do país, quanto para viagens internacionais. Por isso, toda Secretaria de Missões deve estar atenta a estas informações e fazer uso deste investimento.

O seguro saúde viagem internacional pode ser adquirido através de várias operadoras de viagens e o processo de contratação é fácil e rápido. Os preços costumam variar e podem ser adicionadas várias coberturas. O seguro é indicado não só aos missionários, mas é indicado para estudantes, pais que viajam com filhos pequenos, idosos, jovens, enfim, a todas as pessoas. Assim como arrumar as malas com antecedência, cuidar da reserva do hotel, se atentar ao horário do voo, estar com todos os documentos em dia e mais outras tantas coisas que são quase como um ritual para quem está acostumado a viajar... Adquirir um seguro saúde viagem internacional é prioridade, para evitar surpresas desagradáveis.

Adquirir um seguro viagem para um missionário é a maneira mais prudente de protegê-lo. O Seguro garante a igreja que o envia, a certeza de que estarão preparados nas mais diversas situações que possam ocorrer.

Obrigatoriamente, o seguro viagem tem que garantir proteção para riscos de morte acidental e translado do corpo, além de invalidez total, permanente ou parcial causada por acidente. Esses são os fatores primordiais que a igreja deve buscar no Seguro.

No entanto, assim como qualquer empresa que oferece serviços... Temos que estar atentos às empresas que oferecem o benefício. Antes de fechar qualquer contrato, pesquise todas as opções que o mercado oferece, procure a que mais se adéqua a sua necessidade e, a partir de então, comece a pesquisar o histórico das operadoras que melhor atendem ao seu perfil.

A igreja antes de fechar negócio com a empresa deve lembrar o motivo pelo qual seu missionário segue ao país estrangeiro. O motivo pelo qual está contratando o serviço, quanto tempo irá durar a viagem e o destino; e quantas pessoas serão enviadas junto com o missionário ou se ele vai sozinho.

A Secretaria de Missões deve estar atenta ao clima do lugar, as atividades que serão realizadas pelo missionário, os possíveis riscos a que estará exposto, possíveis imprevistos que possam ocorrer durante o período em que estará no local e só fechar a compra com o seguro mais completo possível, que atenda todas as necessidades do missionário.

Ler o contrato é essencial em qualquer situação, ainda mais quando se trata de algo tão importante como um seguro viagem. Busque um seguro que contemple todas as coberturas que achar necessário e busque, antes de ir viajar, informações de como proceder no caso de utilizar seu seguro.

Países que pedem o Seguro Internacional:

Os países da União Europeia (Alemanha, Áustria, Bélgica, Bulgária, Chipre, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Irlanda, Itália, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Holanda, Polônia, Portugal, Reino Unido, República Checa, Romênia e Suécia) assinaram, em junho de 1985, um acordo denominado de Tratado de Schengen, que tem como objetivo instituir a livre circulação de pessoas em estados-membros da União Europeia. O Seguro é importante também, porque facilita o turismo e controle da imigração nas fronteiras destes países, facilitando o acesso do missionário (ou Turista) entre eles.

No caso do visitante não apresentar o seguro, ele não poderá prosseguir a viagem e pode ser mandado de volta ao seu país de origem.

“Seja qual for o seu destino, o seguro viagem é imprescindível, isso porque precisar de serviços médicos em outro país pode sair bem caro. Só para você ter uma ideia, nos EUA, onde o serviço médico é o mais caro do mundo, uma ida ao dentista pode custar US$ 100; quebrar o braço pode custar US$ 20 mil; já uma perna quebrada custa em torno de uns US$ 35 mil e se você necessitar de um resgate aéreo prepare-se: o valor mínimo estimado é de US$ 50 mil.” – Site Seguro Saúde Internacional.


Então, agora que sabemos a importância do seguro Internacional, cremos que nenhuma igreja vai enviar missionário para fora do Brasil sem ele. Pelo menos, esperamos que não!


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

RESPEITE OS CRÉDITOS!!!

Por favor, respeite os direitos autorais e a propriedade intelectual (Lei nº 9.610/1998). Você pode copiar os textos para publicação/reprodução e outros, mas sempre que o fizer, façam constar no final de sua publicação, a minha autoria ou das pessoas que posto aqui e que, muitas vezes, aqui escrevem. Afinal, algumas postagens do "Blog Uma Visão Missionária" trazem imagens de fontes externas como o Google Imagens e de outros blog´s.

Se alguma for de sua autoria e não foram dados os devidos créditos, perdoe-me e me avise (pahesa.andrade@gmail.com) para que possa fazê-lo. E não se esqueça de, também, creditar ao meu blog as imagens que forem de minha autoria.

Projeto MICRI e a Expedição Missionária Piauí

Chamado Missionário?

Aniversário do Blog!