QUAL É A SUA DESCULPA?

QUAL É A SUA DESCULPA?
Faça Missões! Obedeça a Ordem de Jesus Cristo.

Seguidores

O que você procura?

29 de dezembro de 2013

PATRÍCIA TELLES - URUGUAI: DIÁRIO 4 - ADUANA URUGUAIA


Saímos de Alvorada às 6:00h da manhã. Nossa viagem começou tranquila e foi tranquila durante todo o percurso. Confesso que nunca tinha viajado de carro por tantas horas e pedi a Deus para não passar mal no carro. Foi o início dessa aventura missionária.







Paramos na estrada para tomar café da manhã, mas o grande alívio se deu na cidade gaúcha de Jaguarão. A última cidade ao sul do Brasil que faz fronteira com o Uruguai. Aqui meu coração apertou novamente. Durante nossa preparação para estar neste desafio missionário, eu tive muitos pesadelos. Um deles era de que uma de nós era impedida de entrar no país por falta de documentação.

Abri a bolsa e procurei a bendita identidade, que duas semanas antes, Miguelzinho havia conseguido tirar da bolsa e rasgá-la em pedacinhos. Graças a Deus e a eficiência humana, o DETRAN/RJ me entregou a nova alguns dias antes da viagem.

Procurei meu cartão de vacina internacional, para ver se estava na bolsa mesmo. Ufa! Vacina tomada, carteira trocada... O que podia nos impedir de passar? A vontade de Deus era superior. Nossa vontade em cumprir as ordens dEle eram maior ainda.



Conhecemos Jaguarão/RS. Esta Bíblia encontra-se cravada em uma pedra na praça central da cidade, com os dizeres de João 5.39; e ao lado dela existe uma banca de jornal que só vende produtos kardecistas. 




Almoçamos e seguimos mais algumas horas de viagem.


Fomos levadas às lojas maçônicas da fronteira. Conhecemos as grandes grifes e as lojas mais requisitadas por brasileiros. Em meu coração pairava uma dúvida: "Senhor, eu não vim fazer compras. Não viajei pra isso!" e Deus falava em meu coração: "Observe, aprenda e repasse"; o que aprendi ali na fronteira é como fazer um "contrabando santo", se é que posso utilizar esta expressão.













Conheci uma brasileira que possui uma barraca do lado de um grande loja maçônica e perguntei à ela como ela fazia para vender os produtos dela e ela me disse: "Contrabando" como tudo aqui.


Aqui na Aduana Uruguaia conhecemos as grandes lojas, as mais procuradas por brasileiros para compras de produtos mais baratos. Apesar do dólar alto, vimos lojas cheias.

As ruas pareciam desertas e, aos poucos, encheram-se de pessoas que saíram de dentro das lojas cheias de sacolas. Não há nenhuma igreja aqui por perto. O negócio aqui é o comércio mesmo.






Irmãos, conversando com o Pr. Euclides Mendes, ele nos informou que muitas coisas que foram levadas aos irmãos da cidade de Treinta y Tres entraram de forma "ilegal", pois não é permitida pelo governo uruguaio a passagem de produtos brasileiros como janelas, portas, cadeiras ou Bíblias, revistas e instrumentos. 

Dos vidros das janelas da congregação, aos pregos, roupas e Bíblias, como as que doamos, entram de forma clandestina e são motivo de muita oração, pois as dificuldades em obter no Uruguai os recursos é enorme. Tudo é caro, pois o Peso Uruguaio que é inferior ao Real Brasileiro se baseia na cotação do Dólar Americano. 

Não se escandalizem, isso é Missões!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

RESPEITE OS CRÉDITOS!!!

Por favor, respeite os direitos autorais e a propriedade intelectual (Lei nº 9.610/1998). Você pode copiar os textos para publicação/reprodução e outros, mas sempre que o fizer, façam constar no final de sua publicação, a minha autoria ou das pessoas que posto aqui e que, muitas vezes, aqui escrevem. Afinal, algumas postagens do "Blog Uma Visão Missionária" trazem imagens de fontes externas como o Google Imagens e de outros blog´s.

Se alguma for de sua autoria e não foram dados os devidos créditos, perdoe-me e me avise (pahesa.andrade@gmail.com) para que possa fazê-lo. E não se esqueça de, também, creditar ao meu blog as imagens que forem de minha autoria.

Projeto MICRI e a Expedição Missionária Piauí

Chamado Missionário?

Aniversário do Blog!