#BUVM no Sertão em 2018!

O que você procura?

31 de março de 2012

Ex-Paquito é líder de Missões no Níger.


“EIS-ME AQUI! ME ENVIE AOS PIORES LUGARES DO MUNDO” - foi essa a frase que o pastor Alexandre Canhoni disse ao Senhor Jesus, quando O aceitou na época em que ainda era um paquito da apresentadora Xuxa Meneguel.

Deixo abaixo a transcrição pessoal do pastor no site do Ministério Guerreiros de Deus, Ministério a qual está afiliado no Níger (África), onde mora atualmente.



"Desde pequeno sempre estive envolvido com a música. Com 04 anos comecei a tocar piano, depois passei ao violão e a guitarra. Natural do Paraná, morando em São Paulo, quando tinha 11 anos minha família se mudou para Belo horizonte. Ali comecei a tocar em bandas, atuando a noite em churrascarias e também em outras casas, levando assim minha adolescência, ora tocando bateria, ora teclado ou guitarra. Meus pais eram espíritas kardecista.

Trabalhei por um período na TV Minas, no programa O POVO NA TV. Entrei como assistente de produção, passando ao júri e participando das caravanas com os artistas. Passei a checar e a repassar o som de todos os instrumentos, antes da apresentação dos artistas.
"Aos 17 anos me surgiu a oportunidade de fazer o teste para o 'Xou da (Maria da Graça)' na TV Globo. Na verdade estava faltando um paquito para cantar e completar o grupo. Meu intuito era me tornar o vocalista do grupo, só que visando uma carreira solo. Fiquei quatro anos aproximadamente no programa de Maria da Graça, tendo feito filmes com ela, além de participar de turnês nacionais e internacionais. 

São 05 (cinco) as áreas mais atacadas no meio artístico: prostituição, drogas, homossexualismo, espiritismo e alcoolismo. São fatais nesse meio e pelo menos em uma delas Satanás fará com que você caia. Eu entrei fundo na prostituição, espiritismo, satanismo. Frequentava todos os centros de umbanda, candomblé, magia negra, missa negra e vodu; fui convidado por uma comunidade da Ku Klux Kan, maçonaria; via óvnis e discos voadores; também tomei o santo Daime na Amazônia com o propósito de ver Deus.

Tinha em casa imagens de todo o tipo, desde aparecida até do tranca-rua. Era como eles dizem, um conga, eu tinha mais de 60 imagens, e sempre andava em minha bolsa com uma estátua do tranca-rua, um exu-caveira e maria padilha. Também vendi minha alma ao diabo. 

Cada vez mais me aprofundava na escuridão, porém Cristo me libertou e passei por um longo e árduo processo de libertação."



http://www.guerreirosdedeus.com.br/

Quer saber mais detalhes Quer saber como me converti? Quer saber como foi minha libertação? Entre em contato conosco, teremos o prazer de contar o testemunho em sua igreja.

Deus abençoe!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

RESPEITE OS CRÉDITOS!!!

Por favor, respeite os direitos autorais e a propriedade intelectual (Lei nº 9.610/1998). Você pode copiar os textos para publicação/reprodução e outros, mas sempre que o fizer, façam constar no final de sua publicação, a minha autoria ou das pessoas que posto aqui e que, muitas vezes, aqui escrevem. Afinal, algumas postagens do "Blog Uma Visão Missionária" trazem imagens de fontes externas como o Google Imagens e de outros blog´s.

Se alguma for de sua autoria e não foram dados os devidos créditos, perdoe-me e me avise (pahesa.andrade@gmail.com) para que possa fazê-lo. E não se esqueça de, também, creditar ao meu blog as imagens que forem de minha autoria.

Projeto MICRI e a Expedição Missionária Piauí

Chamado Missionário?

Aniversário do Blog!

Missões Uruguai em Treinta y Trés.

Expedição Missionária Piauí.