QUAL É A SUA DESCULPA?

QUAL É A SUA DESCULPA?
Faça Missões! Obedeça a Ordem de Jesus Cristo.

Seguidores

O que você procura?

30 de novembro de 2011

Missionários no Afeganistão.


Foto do site: http://www.ogalileo.com.br

Evangelizar o Afeganistão é um grande desafio, pois é o mesmo que declarar guerra aos que não concordam com a divulgação do Cristianismo neste solo árabe. Neste caso: guerra ao Talibã. Desde o ano passado, eu venho acompanhando algumas redes de notícias que divulgam a situação de missionários em solo afegão.

Numa destas pesquisas tomei ciência de que na região norte do Afeganistão foi encontrado os corpos de dez missionários estrangeiros pela polícia local. Os missionários portavam Bíblias em dari, língua local, mapas e sistemas GPS. Eram cinco homens e quatro mulheres e um homem afegão que tiveram seus corpos crivados de balas. 

Muito provavelmente, membros da Missão de Assistência Internacional, uma ONG com sede na Suíça, pois muitos eram médicos. O Talibã reivindicou as mortes na época à agência France Presse como notificada ao site TSF. Essas mortes foram divulgadas, mas muitas permanecem em oculto. Assim como em 2007 toda a comunidade Internacional Cristã mobilizou-se pela libertação de 21 missionários sul-coreanos que permaneciam sob o poder do Talibã. Todo o mundo em permanente oração e os governos em trabalho diplomático para a soltura dos mesmos.

Foto do site: http://profeciaonline.zip.net
Missionários sofrem perseguição em várias partes do mundo, mas no Afeganistão é tortura mesmo. Alguns devem estar presos em alguma caverna local, mas daí é especulação e não posso provar... Só me resta orar pelas vidas que lá se perderam e por seus parentes que ficaram em seus países de origem. O que é correto relatar aqui é muitas ameaças são destinadas aos missionários em solo árabe. Seus trabalhos, mesmo que voluntários em ONG´s ou instituições humanitárias através de suas profissões, muitas vezes na área da saúde são monitorados de perto. 

A comunidade Internacional Cristã sabe destes riscos. Muitos cristãos já estão morando em solo afegão há anos, disfarçados, pois se forem descobertos serão expulsos ou mortos ou pressionados a renegar a fé. São ameaças diretas ou indiretas através de ordens dadas aos governos locais através de telefonemas do Talibã. Ordens estas que impõem ao governo local a toar uma atitude de combate às ações missionárias para que não sofram ataques diretos.

Os missionários que estão em solo árabe necessitam muito de oração. Correm risco todos os dias. Necessitam de um clamor verdadeiro. Precisamos mobilizar nossas igrejas e equipes de Missões para continuarem orando pelo trabalho desenvolvido pelos homens e mulheres que pregam a Palavra de Deus escondidos, através de materiais áudios-visuais, de sinais ou gestos, com pedaços de folhas rasgadas da Bíblia por não poderem andar com as mesmas, etc...

A maior estratégia do inimigo contra Missões no Afeganistão tem sido a intimidação da Igreja e dos obreiros. Portanto, orem para que rumores sejam cessados, falsos boatos abolidos e que a Igreja de Cristo prossiga à direção de divulgação da Palavra. Oremos para que às mais de 200 ONG's e Organizações envolvidas na conversão Cristã continuem seu trabalho com coragem e estratégias, mesmo que em algum momento seja de fuga.

Vale a pena observar esta matéria do site O Galileo:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

RESPEITE OS CRÉDITOS!!!

Por favor, respeite os direitos autorais e a propriedade intelectual (Lei nº 9.610/1998). Você pode copiar os textos para publicação/reprodução e outros, mas sempre que o fizer, façam constar no final de sua publicação, a minha autoria ou das pessoas que posto aqui e que, muitas vezes, aqui escrevem. Afinal, algumas postagens do "Blog Uma Visão Missionária" trazem imagens de fontes externas como o Google Imagens e de outros blog´s.

Se alguma for de sua autoria e não foram dados os devidos créditos, perdoe-me e me avise (pahesa.andrade@gmail.com) para que possa fazê-lo. E não se esqueça de, também, creditar ao meu blog as imagens que forem de minha autoria.

Projeto MICRI e a Expedição Missionária Piauí

Chamado Missionário?

Aniversário do Blog!