COMUNICADO:

Irmãos e leitores,
o Projeto Missões Com Crianças não faz doações em dinheiro a ninguém. Tudo que arrecadamos em espécie, compramos e enviamos aos nossos missionários que são abençoados pelo Projeto, como a Expedição Missionária Piauí.

A nota de compra enviamos a quem deposita em nossa conta e envia o comprovante pelo zap. Não fazemos parcerias para ser intermediário de nenhum missionário no Brasil ou no Exterior. Se você quer ofertar em dinheiro a algum missionário divulgado em nosso BLOG, por favor, fique a vontade para depositar diretamente em suas contas.

No nosso projeto, aceitamos apenas para comprar material de evangelismo infantil e enviar aos parceiros pessoalmente. Não somos intermediários de doações. Que isso fique claro!

O que você procura?

5 de abril de 2011

MISSIONÁRIO X DESÂNIMO.


FOTO GOOGLE

Muitas vezes deparei-me com desabafos de alguns missionários que tive contato, falando da dificuldade que enfrentam no campo quanto ao desânimo. Sentiam-se isolados de suas igrejas, muitos desamparados... Outros arrependidos por mudarem o foco... Isto é... Foram como missionários, impressionaram-se com o local e resolveram morar por conta própria abandonando o trabalho missionário pelo trabalho secular, pois era mais proveitoso financeiramente. Arrependeram-se tarde demais!!!

Só que é necessário o obreiro passar por uma certa solidão no campo de ação, mesmo não sendo agradável, mas é necessário. Principalmente, se estiver inserido em um lugar onde não há muitos recursos para ações missionárias. Pior ainda se não houver um templo. A luta pela construção do mesmo é importante e, muitas vezes, solitária.

O missionário que vai sozinho ao campo já sabe mais ou menos o quanto de solidão irá enfrentar, mas o que vai com a família não tem a menor noção do que é estar rodeado de pessoas e ainda assim sentir-se só. Bastam alguns meses sem ver nada acontecer para o desânimo aparecer. Só que as coisas acontecem gradualmente no campo missionário. As pessoas, geralmente, só passam a confiar neste missionário com o tempo, conforme observam.

Não adianta somente ir e levar a Palavra de Deus. Necessário é estudar a região e o povo antes de ir. Saber suas necessidades, conhecer o local geologicamente, para superar os possíveis desastres naturais que podem vir a ocorrer e ser capaz de ir até o local onde estão àqueles que não aparecem nos cultos.

Necessário é saber que Deus provê tudo que é necessário, mas situações comuns quem provê é a igreja e o missionário. As igrejas precisam treinar melhor seus missionários, para que saibam lidar com as adversidades e precisam suprir este missionário para que a obra evangelística não pare. Desânimo não combina com abandono. Só que o abandono causa desânimo.

Precisamos orar mais por nossos missionários, mas precisamos suprir suas necessidades para que continuem alimentando espiritualmente e materialmente às pessoas que se encontram em seu campo de ação. É nossa responsabilidade manter a obra missionária.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

QUAL É A SUA DESCULPA?

QUAL É A SUA DESCULPA?
Faça Missões! Obedeça a Ordem de Jesus Cristo.

#BUVM no Sertão em 2018!

RESPEITE OS CRÉDITOS!!!

Por favor, respeite os direitos autorais e a propriedade intelectual (Lei nº 9.610/1998). Você pode copiar os textos para publicação/reprodução e outros, mas sempre que o fizer, façam constar no final de sua publicação, a minha autoria ou das pessoas que posto aqui e que, muitas vezes, aqui escrevem. Afinal, algumas postagens do "Blog Uma Visão Missionária" trazem imagens de fontes externas como o Google Imagens e de outros blog´s.

Se alguma for de sua autoria e não foram dados os devidos créditos, perdoe-me e me avise (pahesa.andrade@gmail.com) para que possa fazê-lo. E não se esqueça de, também, creditar ao meu blog as imagens que forem de minha autoria.

Projeto MICRI e a Expedição Missionária Piauí

Chamado Missionário?

Aniversário do Blog!

Missões Uruguai em Treinta y Trés.

Expedição Missionária Piauí.